26 de out de 2010

Crise Existencial - 34ª Temporada - Capítulo 48

Difícil relatar. Relar. Latir. A hora. Agora. Afora... O espírito da poesia concreta se apossa do corpo de nosso herói. Dói. Destrói. Conseguirá Eliandro, Helius, Andrus, o sol, o homem. Somem. Tomem. Abdomem. Terá ele o mesmo destino? Desatino? Caprino? Não perca. Acerca. A cerca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário